Mi Buenos Aires Querido

Bares e baladas

Como poucas cidades no mundo, Buenos Aires não tem horários em matéria de diversão. Sua famosa vida noturna é muito sedutora e se estende de segunda a segunda até o amanhecer. As opções para cair na noite são super diversas e se adaptam a todos os gostos. O agito se concentra no bairro de Palermo, mas também há lugares únicos espalhados por toda a cidade.

Bares

Bares Baladas Buenos Aires - Bar The Library Lounge, Hotel Faena

A maioria dos bares abrem no final da tarde para o happy hour e não têm hora pra fechar. O drink mais tradicional da Argentina é o Fernet com Coca-Cola, mas também são populares as caipirinhas, daikiris, gin tonics, além de cerveja e vinho.

SOFISTICADOS

The Library Lounge (Faena Hotel+Universe – Martha Salotti 445, Puerto Madero)  Principal bar do espetacular e estiloso Hotel Faena. O lounge é musicalizado por bandas e DJs de quarta a sábado a partir das 22h30.

Pony Line (Four Seasons Hotel – Posadas 1086/88, Recoleta)  O bar do hotel 5 estrelas Four Seasons é uma proposta elegante e descontraída, com inspiração no mundo do pólo.  Fica aberto todas as noites e o acesso é independente do hotel.

Milion (Paraná 1048, Recoleta) O Milion nasceu da transformação de uma das típicas mansões da Recoleta em um enorme e elegante bar e restaurante. O lugar é lindo e bem frequentado, misturando clássico e moderno em seus cômodos, terraços e jardins. [$$$]

Casa Cruz (Uriarte 1658, Palermo Soho) Este restaurante e bar transporta a um ambiente refinado e opulento, com muitos tapetes e cortinados, oferecendo drinks à altura.

MELHORES DRINKS

Bar 878 (Thames 878, Villa Crespo) O 878 é reconhecido como uma das melhores casas de Buenos Aires no quesito drinks, coquetéis e whiskys. Ao chegar você só verá uma porta e terá que tocar uma campainha para ser atendido. Lá dentro, o espaço é bastante amplo.

Florería Atlántico (Arroyo 872, Recoleta) Um bar secreto super estiloso, localizado no subsolo de uma floraria. Os coquetéis são de primeiro nível, o que levou o bar a ser considerado um dos melhores do mundo pelo site britânico worlds50bestbars.com. Aberto todos os dias.

Frank’s Bar (Arévalo 1445, Palermo Soho)  O Frank’s renovou a tendência dos speakeasy bars de Buenos Aires. Para entrar é preciso passar por uma cabine telefônica e informar uma senha (dicas na página do bar). De quebra, os drinks são muito elogiados.

The Harrison Speakeasy (Malabia 1764, Palermo Soho)  Um dos bares mais misteriosos da capital, que fica nos fundos de um restaurante japonês. A decoração é inspirada na Nova Iorque dos anos 20 e tanto seus drinks como sua adega têm excelente reputação. A entrada é com senha, mas vale tentar desvendá-la com alguém no restaurante. Aberto de terça a sábado.

Gran Bar Danzón (Libertad 1161, Centro) Um tradicional e elegante bar onde se conjugam bebida, comida, música e ambiente de excelente nível. Destaque para o menu de vinhos e para os drinks originais. Aberto diariamente.

Doppelgänger Bar (Av. Juan de Garay 500, San Telmo) Um lugar que faz jus à arte da coquetelaria. O menu é amplo e variado, dividido por estilos e aguardente base. Boas opções de lanches e petiscos para acompanhar.

Puerta Uno (Juramento 1667, Belgrano) É um bar que permanece há anos relativamente incógnito em pleno bairro chinês. A entrada é dificultada por seguranças, mas o clima lá dentro é intimista, com candelabros, sofás e um pátio. Boa variedade e qualidade de coquetéis.

BADALADOS

Ferona (Humboldt 1445, Palermo Soho) Apesar de não ter indicações na entrada, este casarão de Palermo é um dos locais mais badalados da cidade, sendo preciso fazer fila. Por dentro, a proposta é um bar com ares de festa em casa de amigos, com terraço incluído. Também funciona como restaurante, oferecendo um único menu.

Unicorn Huset (Honduras 5730, Palermo Hollywood) Um bar moderno de inspiração escandinava muito frequentado por estrangeiros. Possui um terraço e uma pequena pista de dança que costuma lotar. Abre de quarta a sábado.

Congo Bar (Honduras 5329, Palermo Soho) Neste badalado bar, o clima é de muita azaração, começando logo na entrada já que o lugar lota e normalmente é preciso esperar na fila. A melhor surpresa fica por conta do belo jardim de inverno que é um ambiente ideal para fumar e conversar ao ar livre. De quinta a sábado, DJs deixam o ambiente ainda mais animado.

Soria (Gorriti 5151, Palermo Soho) Bar aberto e de clima relaxado, muito procurado o ano todo já que o pátio é aquecido no inverno. Normalmente é preciso fazer fila para entrar.

Sky Bar (Hotel Pulitzer – Maipú 907, Centro) É um dos poucos rooftops de Buenos Aires, oferecendo uma ampla vista do centro. O acesso é entrando diretamente ao hotel e pegando o elevador até o 13º andar. É bastante procurado e enche rápido ao ser um lugar bem pequeno, portanto é ideal chegar antes das 20h. Abre somente nos meses de outubro a abril.

La Puerta Roja (Chacabuco 733, San Telmo)  No endereço há uma porta vermelha sem maiores indicações, mas ao subir a escada se tem acesso a um bar muito especial. Lugar ideal para beber boas cervejas a preços razoáveis, escutar rock e/ou jogar sinuca, rodeado por um ambiente de festa. O lugar lota normalmente e também é muito buscado por estrangeiros.

CERVEJARIAS

Antares (Armenia 1447, Palermo Soho | Arévalo 2876, Las Cañitas | Bolivar 491, San Telmo) Rede de bares da cervejaria artesanal argentina “Antares”, para degustar suas diferentes variedades. As tábuas de frios e as tapas (petiscos) são ótimas alternativas se a fome bater.

Buller Brewing Company (R.M. Ortiz 1827, Recoleta) Bem perto do Cemitério da Recoleta fica o Buller, o primeiro brew pub de Buenos Aires, com elaboração de cervejas artesanais no momento e deliciosos tira-gostos.

Cervecería Nacional (Arévalo  1588, Palermo Hollywood)  A proposta deste bar inclui mais de 30 marcas e 100 variedades de cervejas artesanais 100% argentinas, em um ambiente simples e relaxado. Aberto de terça a sábado a partir das 18h, com happy hour até 20h30.

PUBS

Gibraltar (Perú 895, San Telmo) É um bar de culto e um clássico de todos os tempos em San Telmo. O ambiente de pub vem da decoração amadeirada e o clima é bem relaxado, do tipo para tomar um chopp com os amigos. Também é bastante buscado por estrangeiros.

Bangalore (Humboldt 1416, Palermo Hollywood) A decoração deste reduto sugere uma viagem a um fantástico pub inglês em plena Índia. Ótimas cervejas e gin tonics, acompanhadas por petiscos com curry e afins. Abre todos os dias da semana a partir de meio-dia.

The Kilkenny (Marcelo T. de Alvear 399, Centro) Clássico bar e restaurante com espírito de pub de Dublin e o primeiro da América Latina a oferecer a famosa cerveja negra Guinness. Tem todas as bebidas alcoólicas imagináveis, com forte predomínio de cervejas e whiskys. O bar fica sempre aberto, com bandas de rock ao vivo todos os dias a partir das 23h.

Downtown Matías (Reconquista 701, Centro) Um dos templos do after office portenho, o Downtown Matías oferece em seus vários endereços o mesmo ambiente amadeirado, com ares irlandeses, com um variado menu e muita cerveja e whisky. O bar de Reconquista tem apresentação de bandas ao vivo tocando covers de rock internacional.

PÉROLAS

Notorious (Av. Callao 966, Recoleta) Este moderno music bar é sinômino de jazz, com shows praticamente todos os dias. Também é possível escutar no local um acervo de mais de 60.000 faixas, não só de jazz mas também de bossa nova, soul, tango eletrônico e diversas raridades.

Bar El Federal (Carlos Calvo 599, San Telmo) Construído em 1864, este é um dos bares históricos de Buenos Aires. Oferece cervejas, sanduíches e petiscos num ambiente que conserva o sabor de outras épocas.

El Boliche de Roberto (Bulnes 331, Almagro) Um boteco de antigamente, simples, pequeno e autenticamente portenho, localizado no tranquilo bairro de Almagro. O estabelecimento é de 1894 e suas paredes pouco mudaram desde então. Tem música ao vivo todos os dias depois das 23h, sendo um refúgio de novos e velhos talentos ligados ao tango.

Boates

Bares Baladas Buenos Aires - Boate INPUT Buenos Aires

As boates, chamadas de “boliches”, só começam a encher perto das 2 da manhã e só bombam (“se ponen”) lá pras 4 da manhã, durando até o amanhecer. Levar em consideração que a grande maioria não deixa entrar homens de bermuda.

SOFISTICADAS

Tequila (Av. Rafael Obligado e Pampa, Costanera Norte) É a balada mais seleta de Buenos Aires e, portanto, passar pela porta não é para qualquer um. O ambiente é ostentoso e refinado, com uma pista, um pátio externo e um bar que não pára de servir shots de tequila.

Isabel (Uriarte 1664, Palermo Soho) Este restaurante, bar e balada localizado no coração de Palermo Soho é um dos lugares mais exclusivos da capital, devido ao seu tamanho reduzido e ao seu belo jardim. O Isabel ainda é reconhecido por seu inovador design, pela qualidade da trilha sonora e pelos excelentes drinks. Abre de terça a sábado.

Jet Lounge (Av. Rafael Obligado 4801, Costanera Norte) Esta disco é outro dos lugares mais seletos da capital. Fica entre o Aeroparque e um clube de veleiros, com vista para os barcos e o Río de la Plata. Perfeito para dançar até o sol nascer ao som de música eletrônica e pop.

Asia de Cuba (Pierina Dealessi 750, Puerto Madero) O restaurante étnico oferece pratos orientais e, partir da 1 da manhã, é invadido por DJs locais e internacionais em um ambiente fashion e moderno. Aberto quinta, sexta e sábado.

BADALADAS

Pachá (Av. Rafael Obligado e Pampa, Costanera Norte) É a maior discoteca de Buenos Aires e segue a linha de sua casa original em Ibiza, Espanha. Localizada em frente ao rio, tem uma excelente infra-estrutura acústica, predominando os sons techno, trance e house conduzidos por DJs internacionais. Abre sextas e sábados.

Terrazas del Este (Av. Rafael Obligado e Av. Sarmiento, Costanera Norte) Um enorme bar-boate ao ar livre com uma vista única ao rio. A balada é todo sábado e são 3 ambientes com muita eletrônica e bons drinks. Famoso também pelo happy hour das quartas-feiras.

Club Bahrein (Lavalle 345, Centro) Um dos templos da música eletrônica de Buenos Aires, localizado há anos em pleno centro e que continua atraindo um grande público. Tem 3 ambientes, mas é no subsolo que a festa ferve. Abre nas quartas, sextas e sábados.

INPUT Buenos Aires (Av. Juan B. Justo 1658, Palermo Soho) A antiga boate LIV foi remodelada e reinaugurada como INPUT em fevereiro de 2015 para trazer a última tecnologia e uma proposta mais claramente eletrônica às noites portenhas. Abre toda sexta-feira.

ALTERNATIVAS

Niceto Club (Niceto Vega 5510, Palermo Hollywood) Um grande recinto multifuncional que oferece diariamente shows musicais de diversos estilos e festas temáticas de todo tipo. A recomendação é verificar a agenda do dia para saber o que está rolando.

The Roxy Live Bar (Niceto Vega 5542, Palermo Hollywood) Um dos lugares mais roqueiros de Buenos Aires, com muitas festas e uma forte agenda de shows. Existe outro The Roxy nos Bosques de Palermo, mas nesse caso é uma balada de música eletrônica.

Makena Cantina Club (Fitz Roy 1519, Palermo Soho) Um lugar especial para os amantes da música ao vivo, com diversas bandas se apresentando todos os dias (só fechas nas segundas-feiras). Exceto nas terças e domingos, o rock é o rei da casa.

Cocoliche (Rivadavia 878, Centro) É um dos mais glamorosos e originais clubes underground da América Latina, reduto do techno e da música eletrônica. Toda sexta a partir da 1 da manhã.

GLS

Amerika (Gascón 1040, Almagro) A maior, mais famosa e mais ousada balada gay de Buenos Aires. Frequentada por um público eclético, tem 3 pistas de dança para escolher entre diferentes estilos musicais e um quarto semiescuro onde vale (quase) tudo. Abre de quinta a domingo.

Glam (Cabrera 3046, Recoleta) É muito frequentada por homens gays de todas as idades e por isso costuma estar bem cheia. Além da pista de dança tem um quarto escuro e um pátio. Fica aberta nas quintas e sábados.

Contramano (Rodríguez Peña 1082, Recoleta) Primeira boate gay de Buenos Aires, instalada desde 1984 em um subsolo no coração da Recoleta. Contramano só permite a entrada de homens, a maioria na casa dos 30 e 40 anos. Abre sexta, sábado e domingo.

Festas

Bares Baladas Buenos Aires - Festa Club 69, Niceto Bar

Algumas festas ocorrem religiosamente todas as semanas e outras apenas algumas vezes durante o ano. As entradas podem ser adquiridas na porta ou, em vários casos,  antecipadamente através do sistema Ticketek.

Segundas

La Bomba de Tiempo (Ciudad Cultural Konex, Sarmiento 3131, Abasto) Uma autêntica batucada portenha, comandada toda segunda-feira pelo grupo de percussão “La Bomba de Tiempo”. São vários músicos em cena, regidos por um maestro que vai indicando os ritmos em tempo real através de senhas. O lugar lota com um público eclético, entre estrangeiros curiosos e portenhos alternativos. Entradas na porta (com muita fila) ou antecipada pelo site Ticketek.

QUINTAS

Club 69 (Niceto Club – Niceto Vega 5510, Palermo Hollywood) Desde 1998, todas a noites de quinta-feira depois da meia-noite entra em cena o Club 69, uma festa onde vale tudo: transformistas, dançarinos sensuais para todos os gostos e vários DJs comandando um divertido e colorido espetáculo que se reinventa a cada semana. O ambiente é igualmente frequentado por héteros e pelo público gay, lésbico e trans. Entradas na bilheteria ou pelo sistema Ticketek.

Fiesta Lost – Hip Hop Culture Club (MOD Variété Club – Balcarce 563, San Telmo) A melhor festa de hip hop, trap, black music e electro destas latitudes acontece toda quinta a partir da meia-noite em San Telmo, com uma galera jovem e animada e os infaltáveis craques do break dance. Entrada grátis antes das 2h30 da manhã dizendo “Soy invitado de HHCC“.

SEXTAS

Be Techno (Crobar – Marcelino Freyre e Infanta Isabel, Bosques de Palermo)  Festa eletrônica under pensada para um público sub 30. Entrada à venda na porta do local.

SÁBADOS

Rheo (Crobar – Marcelino Freyre e Infanta Isabel, Bosques de Palermo) Sábado na disco Crobar é noite gay e lésbica com a festa Rheo. Uma pista de dança com música electro-pop, GoGo boys, artistas em cena, um terraço com música e drinks e ainda um setor VIP.

Fiesta de Piso Compartido (Niceto Club – Niceto Vega 5510, Palermo Soho) É uma festa  internacional organizada por vários albergues para reunir estudantes e estrangeiros que estejam de passagem por Buenos Aires. Como toque divertido, cada pessoa usa um adesivo indicando o país de procedência. Acontece um sábado por mês, sendo preciso ver no site a data da próxima. Entradas na bilheteria ou pelo sistema Ticketek.

Fiesta Bubamara (Uniclub – Guardia Vieja 3360, Abasto) Uma festa diferente e divertida, para dançar sem parar ao som dos agitados ritmos balcânicos e ciganos, típicos da Europa Oriental. Acontece um sábado por mês. Entrada na porta ou através do sistema Ticketek.

DOMINGOS

Afro Mama (Makena Cantina Club – Fitz Roy 1519, Palermo Soho) Uma das melhores opções para a noite de domingo em Buenos Aires é a festa Afro Mama do Makena, com muito funk, soul, R&B e hip hop. Entradas à venda na porta do local.


Compartilhe!


Dúvidas?

Confira o nosso Fórum com perguntas e recomendações da comunidade Mi Buenos Aires Querido!